segunda-feira, 22 de maio de 2017

Reprodução da Gaivota-de-patas-amarelas / Yellow-Legged Gull (Larus michahellis) na Costa de Cascais - Parte II

Desta vez já consegui observar quantos ovos está a chocar e parece que é sempre a mesma postura, pelo menos nos anos em que tenho estado atento à reprodução desta espécie na costa de Cascais.
Nesta mensagem de 30 de Junho de 2016 http://birdingcascais.blogspot.pt/2016/07/epoca-da-reproducao-da-gaivota-de-patas.html   podemos  verificar que também a postura foi de três ovos.
Este ano até agora só consegui detetar um ninho, em anos anteriores por esta altura eram vários os casais a nidificar, mas tenho reparado que de ano para ano são menos os casais a utilizar esta zona calcária para nidificar.

O Rabirruivo (Phoenicurus ochruros) sempre atento ao ser humano.

O Rabirruivo (Phoenicurus ochruros) é uma espécie residente que nesta altura do ano aparece ocupado com a época de reprodução, é comum  observa-lo tanto nos calcários junto ao mar como nos telhados a cantar e em ambos os locais faz o seu ninho.

Pinheiro-bravo com um anel de marcação para corte no Parque Natural de Sintra -Cascais.

Estas fotografias já têm mais de um mês, quando me apercebi desta marcação em dezenas de Pinheiros à beira da estrada que vai da Malveira para a Penha Longa.
Neste Blog as noticias já são de Março de 2107 http://riodasmacas.blogspot.pt/2017/03/visita-de-hoje-ao-parque-natural-sintra.html, o que por esta altura muitos já devem ter sido cortados, e a justificação do ICNF segundo o Jornal Publico https://www.publico.pt/2017/03/23/local/noticia/icnf-justifica-corte-de-1200-arvores-em-sintracascais-com-melhoria-da-seguranca-1766315, "Os objectivos do abate são a melhoria da segurança rodoviária, retirando todos os exemplares de pinheiro bravo ou cipreste em fim de vida e/ou em mau estado fitossanitário, bem como todos aqueles que apresentem sinais de instabilidade e cuja queda pode afectar a circulação nos arruamentos públicos” (Jornal Publico), esta explicação é estranha pois todos os pinheiro que observei à beira da estrada estão de boa saúde. Tendo em conta o momento que atravessamos de aquecimento global, estar a cortar árvores num Parque Natural parece um contracenso.
Também reparei na limpeza do pinhal e das espécies exóticas como as Acácias, mas nesta altura do ano em que a fauna está em plena época de reprodução, este tipo de atividade vem prejudicar e muito, as espécies que escolhem estes locais para sua reprodução.

domingo, 14 de maio de 2017

Borboleta Euphydryas aurinia no Parque Natural de Sintra-Cascais

Observei esta bonita borboleta Euphydryas aurinia na encosta Sul da Serra de Sintra.
Segundo o livro As Borboletas de Portugal de Ernestino Maravalhas a "Situação em Portugal : Encontra-se muito dispersa e apresenta populações numerosas. Nas áreas urbanizadas e no litoral, onde a pressão humana é maior, está em declínio."

sábado, 13 de maio de 2017

A Trepadeira-do-sul / Short-toed Treecreeper (Certhia brachydactyla) no Jardim da Casa das Histórias Paula Rego.

A Trepadeira-do-sul (Certhia brachydactyla) é uma pequena ave que trepa as árvores à procura de insetos para se alimentar, nesta fotografia está bem disfarçada, esta ave é comum em qualquer jardim de Cascais.

O Coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus) nas arribas calcárias da Costa da Guia - Cascais.

O Coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus) tem permanecido nas arribas calcárias da Costa de Guia, e nos últimos tempos já observei três indivíduos, é interessante verificar que esta espécie sobrevive e encontra os elementos necessários para a sua sobrevivência num espaço pequeno e confinado entre o mar e a estrada.
No video podemos ver como ele se alimenta de uma planta, em que se coloca em duas patas, e puxa um ramo para se sentar e comer sossegado.
Já observo o Coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus) nesta local à vários anos como se pode ver nesta mensagem de 2015: http://birdingcascais.blogspot.pt/2015/12/o-coelho-bravo-oryctolagus-cuniculus.html

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Pombo-torcaz / Commom Wood Pigeon (Columba palumbus) no Parque da Ribeira dos Mochos.


Este bonito Pombo-torcaz (Columba palumbus) estava num momento de descontração pousado numa árvore no Parque da Ribeira dos Mochos, local que deve estar a utilizar para nidificar.
Esta espécie aparece nos vários jardins e nas zonas arborizadas e mesmo junto à costa a sobrevoar os calcários.